terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Sobre as Indicações do Oscar 2011

Bem, já que inicio o blog no dia da divulgação dos indicados ao Oscar 2011, nada melhor do que dizer o que achei a respeito.
Não vou fazer comentários extensos por que realmente ainda não assisti à maioria dos filmes indicados às principais categorias (Filme, Diretor, Roteiro, Atriz, Ator), à exceção de A Origem (Indicado para Melhor Filme e Melhor Roteiro Original), mas quero prestar algumas queixas que não serão ouvidas pelos figurões de Hollywod sobre algumas indicações na parte técnica e visual.
A começar pelas indicações aos Efeitos Especiais. Havia lido que As Crônicas de Narnia – A Viagem do Peregrino da Alvorada (ao qual vou me referir a partir de agora apenas como Narnia 3) estava entre os candidatos à indicação.
E se eu não soubesse que a premiação mais famosa do mundo cinematográfico é um tanto (como vou dizer?)... Tendenciosa, com certeza eu teria ficado confuso com o fato de Narnia 3 não ter aparecido na lista dos indicados.
Por quê? Bem simples a resposta: Os efeitos especiais do filme são infinitamente superiores aos dos indicados e poderia facilmente ter substituído Alice no País das Maravilhas, A Origem ou Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1 (cujos efeitos são realmente bons, mas nem tanto e teve outra indicação até justa à categoria Melhor Direção de Arte).
Quanto ao querido do público, mas nem tão querido assim do Oscar “A Origem”, bem, os efeitos são muito pertinentes e bem colocados na trama, que ao contrário de filmes como As Crônicas de Narnia, não precisa chamar tanta atenção para a parte visual para desviar a atenção de um roteiro que seja fraco. Mas os efeitos visuais do filme do Nolan, apesar de responsáveis por cenas memoráveis, têm fins mais práticos do que visuais e não são tão bem feitos assim..
Ainda sobre A Origem, é preciso dizer que eu sou um dos fãs do Nolan que reclama da não aparição do filme na categoria referente à Montagem, mas como não estou informado sobre a montagem da maioria dos indicados, não ouso reclamar muito.
Não assisti Tron - O Legado, mas vi o suficiente dele para ficar quase tão surpreso quanto fiquei por Narnia 3, quando vi que também não havia sido indicado para a categoria de efeitos visuais, afinal, além dos efeitos terem sido muito felizes até onde eu vi, o estardalhaço feito em torno de Tron foi grande!
Outra impertinência das indicações a meu ver, foi Toy Story 3 ter aparecido nas categorias Melhor Filme e Melhor Longa Animado. Isso não soa meio redundante? Enfim, assim que saírem os resultados e eu tiver assistido os filmes da lista que ainda não vi e pretendo ver, eu faço mais comentários a respeito.

Até mais ver, amigos cinéfilos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário